Desde 2015 o Laces contribui com a ONG Bem-Querer Mulher, um movimento pela não violência a mulher, que existe desde 2004 e foi criado pelo grupo Full Jazz Comunicação, com o apoio da ONU Mulheres.

O Movimento ajudar a reduzir os índices de violência contra a mulher no Brasil, por meio da conscientização e mobilização da sociedade, da capacitação e do fortalecimento de lideranças e organizações sociais locais com atendimento e suporte às mulheres vítimas. Faz parte do acompanhamento apoio psicológico, jurídico, durante todo o processo, até a conclusão dos casos.

O Laces contribui com o Bem Querer Mulher financeiramente e também atendendo em suas unidades algumas mulheres que precisam de ajuda para recuperar sua auto-estima. “Mulher com auto estima não aceita violência. De nenhum tipo e de ninguém” argumenta Cris Dios, co-fundadora do Laces.

Para maiores informações sobre o movimento, acesse o site www.bemquerermulher.org.br.

João Santos, idealizador do Movimento Bem Querer Mulher, e Cris Dios, em evento de comemoração dos 10 anos do Movimento Bem Querer Mulher, onde Ana Maria Braga assumiu como embaixadora da ONG.