Site Exame – Grupo de Salões de Beleza Reabre Unidades Como Mini Mercados Orgânicos

Matéria: Grupo de Salões de Beleza Reabre Unidades Como Mini Mercados Orgânicos

Link para matéria: Exame

Publicado em:15/05/2020


As unidades paulistanas da rede de salões de beleza focados em sustentabilidade do Grupo Laces estão fechadas desde o início da quarentena na cidade. Mas, a partir do dia 18 de maio, duas delas reabrem para o público.

Não, o empreendimento não está furando a quarentena nem clientes poderão voltar a cuidar do cabelo por lá. É que o grupo Laces firmou um parceria com a empresa de alimentos Solli Orgânicos e Naturais e a Fazenda Urbana Be Green para transformar duas das unidades, nos Jardins e em Moema, em mini mercados temporários (as chamadas “lojas pop-up”) especializados em produtos naturais.

Tanto a Laces and Hair, em Moema, quanto a Bioma Salon Aveda , nos Jardins, se transformarão temporariamente em “Bioma Secos e Molhados” e venderão itens básicos de hortifrúti e também itens de mercearia, adega, padaria, limpeza, produtos de beleza e até itens de decoração e livros. O foco será em produtos orgânicos e de pequenos produtores.

Na legislação atual, padarias, mercados e farmácias podem permanecer abertos durante a quarentena.

“Está na hora de realmente colocarmos em prática uma economia colaborativa para atender uma demanda crescente da sociedade em busca de mais saúde em seu dia a dia”, diz Itamar Cechetto, sócio do grupo Laces.

Outra iniciativa do grupo durante a quarentena foi começar a produzir álcool gel.

O mini mercado da unidade do Jardins (Rua Haddock Lobo, 1576) será inaugurado em 18 de maio. A unidade de Moema (Av. Juriti, 192), no dia 20. Elas oferecerão possibilidade de compras no local ou no esquema take away e delivery.